Reduzindo a bagagem: E-books

kindle

Por que me rendi aos livros digitais (e suas vantagens)                                             .                               Sempre gostei muito de ler e quando fui morar sozinha, passei a ler ainda mais. O negócio era tão sério que cheguei até a trabalhar em uma livraria rs. No Rio, eu era frequentadora de sebos e meu acervo só foi aumentando, somando-se ainda os livros acadêmicos. Acho lindo ter uma estante cheinha de livros em casa! Porééém, quando comecei a me mudar, os livros acabaram se tornando um verdadeiro “problema”. Quem já passou por mudança sabe que eles pesam e em grande quantidade dão MUITO trabalho pra transportar.pilha-livros

Com o tempo e em meio a tantas mudanças, fui procurando alternativas pra conseguir mantê-los de alguma forma: deixava estocado na casa de amigos (brigada, Rá!), mandava pelos Correios pra casa dos meus pais em Manaus ou para o próximo destino, carregava 20 kilos de livros na bagagem de mão do avião pra não pagar excesso, esse tipo de coisa. Mas quando chegou a hora de partir pra Europa, vi que não poderia levar praticamente nada de livros comigo, acho que trouxe uns três.

A questão é que a leitura em português na Gringoland é um verdadeiro descanso pra minha mente, pois a maior parte da comunicação, verbal e escrita, aqui é em inglês e tem uma hora que cansa.

Então, ao final da leitura do último livro que tinha trazido, foi batendo aquele desespero. E agora? Como achar os livros que eu quero em português brasileiro na Bulgária, por exemplo? É, companheiros, a solução não podia ser mais óbvia: e-reader. E foi assim que, enfim, me rendi aos e-books.

Tinha um mega preconceito com e-readers, por isso nem cogitava em comprar um. Nunca tinha usado e ainda assim tinha implicância: vai doer minha vista, não é a mesma coisa, melhor comprar um tablet, mimimi. Old school resistindo a mudança? Muda no tapa hahaha E foi a melhor coisa que fiz! Pesquisei bastante e comprei o Kindle, da Amazon.

kindle
Meu lindo Kindle <3

É a mesma coisa que um livro convencional? Não, não é. Há uma breve fase de adaptação, mas  acostuma-se fácil, fácil, ainda mais quando se vai descobrindo na prática a série de vantagens de e-readers:

não cansa a vista durante a leitura (vantagem sobre a maioria dos tablets). A tela tem imagem natural próxima a uma página impressa em papel, com muito pouquíssimo reflexo e alta definição do texto;

– dá pra escolher tipo e tamanho da fonte do texto;

fonte
– fácil mudar a página, é só tocar na tela e pronto;

– tem dicionários. É super prático na hora de pesquisar o significado da palavra, é só pressionar por alguns segundos e tchan-ram! Mágico! (Depois que me acostumei com essa funcionalidade e fui ler um livro de papel, me vi tocando na página pra aparecer a janelinha do “dicionário” ahahaha);

kindle-dicionario
Dá fazer marcações e anotações;

marcacao
É leve, às vezes até mais leve que livro de papel, ou seja, também não cansa segurar. Pra ler à noite deitado na cama é uma maravilha;

– A bateria dura MUI-TO! Dá para ler bastante antes de precisar recarregar;

– Dá pra manter um acervo considerável de ebooks armazenado;

– Há vários sites pra baixar livros grátis (pros usuários de Kindle, a própria Amazon tem uma seção de e-books gratuitos);

Comprar um livro, recebê-lo na hora e sem frete;

– No modelos de Kindle que tem 3G gratuito, basta ter sinal disponível pra conectar na Internet, sem pagar nada. Esses modelos são mais caros, mas particularmente, não sinto falta nenhuma de ter conexão de internet initerrupta no Kindle, pois o básico que preciso (livro que quiser ler e dicionário) dá pra baixar quando tem wireless e pronto;

– Mesmo longe, os amigos podem continuar presenteando vc com livros! A Amazon oferece essa facilidade. A pessoa compra e pede pra “entregar” no seu Kindle! Simples assim :)

Ahh! Os modelos mais atuais tem a versão com iluminação de tela embutida, como o Kindle Paper White. Nunca experimentei, mas os amigos que tem disseram que é bem legal! O meu não tem essa tecnologia, então dei um jeitinho chinês:

luminaria e-book
Luminária portátil para livros :)

Enfim! Tô muito satisfeita e levo meu Kindle pra todo lugar, porque além de tudo, ele é relativamente pequeno e cabe em qualquer bolsinha.

bolsa pequena

Pra quem quiser ler mais a respeito, esse site tem vários artigos interessantes sobre a vida sem papel.

Fica a dica, viajantes!

“A leitura engrandece a alma” (Voltaire)

Deixe uma resposta

Scroll To Top